A Queda do Homem

A Queda do Homem

A Queda do Homem

O homem foi criado pelas próprias mãos de Deus, a sua imagem e semelhança, com capacidade de governo e livre arbítrio, glória e autoridade, também foi criado para viver eternamente e ter dos melhores frutos que Deus poderia conceder, sendo considerado obra prima de Deus!

Entretanto, isso não foi suficiente, fazendo com que o homem pecasse contra Deus, e, consequentemente, todos nós hoje nascemos do fruto do pecado, e somos incapazes de alcançar a vida eterna sem a intervenção do Senhor em nossas vidas.

De acordo com Gênesis 3:1 “Ora, a serpente era mais astuta que todas as alimárias do campo que o SENHOR Deus tinha feito. E esta disse à mulher: É assim que Deus disse: Não comereis de toda a árvore do jardim? Na tradução original, jardim do Éden significa, “paraíso”, e a primeira situação que foi responsável pela queda do homem e quebra da aliança entre o homem e Deus, foi duvidar da palavra de Deus, e isso foi visto quando a serpente fez o homem se questionar se Deus havia dito a verdade ou não.

Segundo os estudiosos bíblicos, a serpente estava de pé e era brilhante, chamando atenção de Eva e o diabo conhecido na bíblia como “estrela da manhã” decide atacar a mente de Eva, para provocar e atingir a autoridade de Deus.

Como a serpente fez o homem cai

Através de uma estratégia do diabo, a serpente confundiu Eva dizendo que Deus havia proibido de se alimentar de todas as arvores, sendo que na verdade, Deus só havia proibido do fruto de uma única arvore, fazendo com que Eva questionasse e contradissesse a palavra de Deus e aceitasse a palavra do diabo.

Vemos isso em Gênesis 2:16,17: “ E ordenou o Senhor Deus ao homem, dizendo: De toda a árvore do jardim comerás livremente,mas da árvore do conhecimento do bem e do mal, dela não comerás; porque no dia em que dela comeres, certamente morrerás. ”

É importante dizer aqui, que um dia para Deus são como mil anos, e mil anos como um dia, sendo assim, segundo os estudiosos bíblicos, Adão viveu mais de 900 anos no jardim do Éden.

E o diabo se utiliza dessa artimanha ainda nos dias de hoje, se utilizando de meias verdades para enganar os homens e fazê-los cair no pecado, já que meias verdades convencem mais do que mentiras e também diz suas meias verdades com convicção, fazendo o homem questionar a vontade de Deus para sua vida!

Então ao se utilizar de algo que Deus realmente disse, o diabo troca as palavras para o que deseja, enganando o homem.

O diabo também sempre apresenta propostas e através dessas propostas, o homem cai no pecado, pois, se atem unicamente nas propostas da carne e se esquece da promessa de Deus e de que pagará um alto preço por confiar nas promessas de Satanás.

Em 1 João 2:16,17 diz: “Pois tudo o que há no mundo — a concupiscência da carne, a cobiça dos olhos e a ostentação dos bens — não provém do Pai, mas do mundo.O mundo e a sua cobiça passam, mas aquele que faz a vontade de Deus permanece para sempre.

Como foi a Queda do Homem?

Nesse contexto temos que, três motivos foram decisivos para a queda do homem: a concupiscência da carne, no momento em que Eva viu que o fruto era bom para se comer, isso está diretamente ligado ao pecado, pois, pela carne, o homem tende a pecar.

A cobiça dos olhos, quando Eva viu que o fruto era desejável aos olhos, o que nos dias de hoje impede a permanência dos homens na presença de Deus, inclusive pastores e autoridades cristãs.

Jesus diz em sua palavra que os olhos são como a janela da alma, e se um dos teus olhos te faz pecar, arranque-o, pois, é melhor entrar no reino dos céus com apenas um olho, do que ser lançado com os dois olhos no lago de fogo, E a ostentação dos bens, responsável pela soberba da vida, quando Eva quis se alimentar do fruto para ter mais conhecimento do que Deus.

Em Tiago 1: 12 diz: “Bem-aventurado o homem que suporta a tentação, porque quando for provado, receberá a coroa da vida, ao qual o Senhor tem prometido aos que o amam, Podemos identificar essa situação, ao olharmos para o pecado e deixarmos nos envolver por ele, sentindo o desejo no coração de fazer o que Deus pede para não fazer, transgredindo assim a palavra do Senhor.

Em Gênesis 3:7-10“Então foram abertos os olhos de ambos, e conheceram que estavam nus; e coseram folhas de figueira, e fizeram para si aventais. E ouviram a voz do Senhor Deus, que passeava no jardim pela viração do dia; e esconderam-se Adão e sua mulher da

presença do Senhor Deus, entre as árvores do jardim.E chamou o Senhor Deus a Adão, e disse-lhe: Onde estás?E ele disse: Ouvi a tua voz soar no jardim, e temi, porque estava nu, e escondi-me. ”

A sentença de de Deus contra a serpente após a Queda do Homem

Na bíblia, temos claramente a demonstração de que Eva foi enganada pela serpente, mas Adão apesar de não ter sido enganado também pecou, pois, escolheu ouvir as palavras de Eva e não as palavras de Deus. Ainda, de acordo com a Bíblia, a serpente também foi punida por Deus. Em Gênesis 3:14: “Então o Senhor Deus disse à serpente: Porquanto fizeste isto,

maldita serás mais que toda a fera, e mais que todos os animais do campo; sobre o teu ventre andarás, e pó comerás todos os dias da tua vida. ” Isso demonstra que, ou a cobra tinha patas ou alguma parte que hoje não faz parte das serpentes, fazendo com que elas sejam obrigadas a rastejarem.

E, em Gênesis 3:17-19 Deus fiz a Adão: “ Porquanto destes ouvidos à voz de tua mulher, e comeste da árvore de que te ordenei, dizendo: Não comerás dela, maldita é a terra por causa de ti; com dor comerás dela todos os dias da tua vida.

Espinhos, e cardos também, te produzirá; e comerás a erva do campo.No suor do teu rosto comerás o teu pão, até que te tornes à terra; porque dela foste tomado; porquanto és pó e em pó te tornarás.

E então a quebra da aliança do homem com Deus é consumada, e, Adão e Eva se olharam nus, e se sentiram envergonhados, pois, o pecado faz o homem querer se esconder da presença do Senhor e a nudez de ambos foi caracterizada como símbolo do pecado.

Nessa passagem, Deus diz a Adão que para teu sustento, agora será necessário trabalhar, e também fala sobre a promessa de morte, já que agora a vida de todos os descendentes de Adão será curta na terra, Quando há pecado tende haver sacrifícios, pois, o salário do pecado é a morte, e daí em diante, Eva e Adão foram vestidos pelo senhor com túnicas de pele.

Em Gênesis 3:22-23: “Então disse o Senhor Deus: Eis que o homem é como um de nós, sabendo o bem e o mal; ora, para que não estenda a sua mão, e tome também da árvore da vida, e coma e viva eternamente,O Senhor Deus, pois, o lançou fora do jardim do Éden, para lavrar a terra de que fora tomado.

O castigo após a Queda do Homem

Sendo assim, Adão e Eva se corromperam e para que eles não comam da árvore da vida e vivam eternamente corrompidos pelo pecado, Deus os proibiu de participarem da vida eterna e sua sentença aos dois se estendeu a toda a humanidade. O pecado se tornou universal, e fomos separados da presença de Deus!

O desejo no coração de Eva, a levou ao pecado e também Adão, e se tivessem feito o que Deus pediu para fazer, teriam recebido a vida eterna, pois, na bíblia diz que, aquele que faz a vontade de Deus, permanece para sempre.

A palavra de Deus é clara e deve ser levada da maneira com que foi escrita, não devendo acrescentar e nem retirar palavra alguma, pois, aquele que contradizer sua palavra, também lhe será retirado as bênçãos descritas pelo Senhor.

Adão foi o primeiro homem criado por Deus, e aquele que trouxe o pecado ao mundo. Mas Cristo, veio para nos perdoar e nossos pecados foram remidos na cruz do calvário, tamanho é o amor de Deus por nós, que nos deu o seu filho Unigênito para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha vida eterna.

A queda do homem foi resultado da sua desobediência e ainda assim de acordo com a palavra de Deus, devemos agora nos esforçar para conhecer seus propósitos. Ainda que seja difícil entender que o sofrimento resultante da queda foi proposito de Deus, a sua palavra diz que todos os seus caminhos são direcionados a um único propósito.

A expulsão do homem do jardim do Éden para nos separarmos da arvore da vida foi também uma providência de Deus, para que no fim da nossa vida terrena, possamos novamente nos encontrar com nosso Criador e desfrutarmos de todas as suas promessas.



avalie este estudo?

Clique nas estrelas

muito obrigado pela votação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Comentarios

Tags: | | | | | | | | |

Sobre o Autor

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Este site utiliza Cookies e Tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência. Ao utilizar nosso site você concorda que está de acordo com a nossa Política de Privacidade.